Flavio Crestana | Novidade

PEÇA ÚNICA!

COLAR CITRINO NATURAL briolet e facetado, 45 cm, PRATA 925. India – 61900811 – com fecho e entremeios em prata –  Valor R$ 204,00

O citrino  é uma variedade de quartzo de cor amarela, laranja ou, excepcionalmente, avermelhada. Seu nome vem do latim citrus, que é auto-explicativo e que remete à expressão “pedra de limão”. Trata-se de um quartzo com impurezas de ferro e o que o difere da ametista e de outras gemas da família dos quartzos é o estado químico do ferro em sua composição. Não há grandes referências históricas sobre esta gema. Talvez porque as maiores jazidas estejam no Novo Mundo e elas tenham sido muito raras na Europa e no Oriente Médio. Os primeiros registros são da região onde hoje é Israel. Foram encontradas contas de colares em cavernas da região. Nos primeiros séculos da era cristã, foram localizados citrinos em formato cabochão e com desenhos em baixo relevo produzidos pelos romanos. Os legionários romanos usavam essa pedra sobre o peito para se resguardarem de maus olhares e de intrigas de invejosos. Até a Idade Média o Citrino foi usado como pedra de sorte, que deveria proporcionar vida eterna. No período Romântico, em meados do século XIX, o citrino passou a ser usado com mais frequência na joalheria.

O citrino simboliza a luz do Sol nascente. Carregado com essa energia vibrante, é uma pedra da abundância, da felicidade, da alegria de viver, associado à atração da riqueza e ao aumento da auto-estima. Eles seriam capazes de acalmar a agitação mental e trazer a força de vontade, segurança e criatividade necessárias para os grandes empreendimentos. Bom né!

aproveite

Sem dúvida um colar briolet muito delicado! Uma peça bem fácil de combinações em looks!

flaviologo