Reshape 17 | Peles Programáveis

A competição Reshape 17 com o tema “Peles Programáveis” propõe que a tecnologia vestível não só recolha e troque informações mas também proteja o nosso corpo e facilite funções como o crescimento, movimento, respiração, nutrição ou reabilitação. Tornando-se um novo meio de comunicação capaz de regular a relação entre o nosso corpo e seus arredores, o Reshape busca criar novas funções ao design de moda, propondo um novo desafio para os fabricantes e designers

O prêmio total é de € 2.700 e será distribuído entre o primeiro, segundo e terceiro lugar: além dos vencedores, o júri irá selecionar entre cinco e sete menções honrosas. O concurso está aberto a arquitetos, designers, engenheiros, biólogos ou estudantes de moda e profissionais de qualquer campo de relevância. O Reshape é uma plataforma online que promove a investigação, concepção e produção de ideias digitais, explorando as implicações e aplicações da tecnologia e da inovação na nossa sociedade.

Um grupo de especialistas dos setores de design da moda, fabricação digital e tecnologia, selecionarão as três propostas vencedoras. Todos os projetos serão avaliados em uma escala de 1 a 10 de acordo com as seguintes categorias: adequação do projeto, viabilidade do protótipo e estratégia de divulgação.  Para mais informações, visite a página oficial do Reshape 17.

O Fabricademy é um novo curso transdisciplinar da Textile Academy que se concentra no desenvolvimento de novas tecnologias aplicadas na indústria têxtil, na sua ampla gama de aplicações, da indústria da moda e do mercado de tecnologia vestível. Têxtil Academy Bootcamp foi um curso intensivo de 40h que teve lugar no IAAC Fab Lab Barcelona com 25 participantes de EUA, Canadá, França, Alemanha, Argentina, Itália, Holanda, Chile, Suécia, Grécia, Inglaterra, Índia e com mais 20 participantes online distribuídos globalmente.

O Textile Academy Bootcamp foi o pontapé inicial de um curso piloto para testar a próxima Fabricademy, uma nova academia têxtil que será executada em vários lugares em todo o mundo ao mesmo tempo, a partir de meados de setembro de 2017. A Fabricademy vai seguir o mesmo conceito das Fab Labs mas será um cruzamento entre design têxtil, fabricação digital e biologia. Veja mais detalhes AQUI.

Um novo projeto de tecnologia vestível está oferecendo até 2,4 milhões de euros em financiamento para equipes de criativos e técnicos para desenvolver a próxima geração de wearables sustentáveis ​​e ideias para tecidos inteligentes. O programa WEAR Sustain é uma colaboração entre sete organizações de toda a Europa, incluindo a Queen Mary University of London (QMUL) e a University for the Creative Arts (UCA).

O programa está buscando aplicações de equipes de arte, design, tecnologia ou profissionais de engenharia e empresas para desenvolver soluções convincentes, éticas, inovadoras e sustentáveis ​​para a tecnologia vestível e tecido inteligente. Um fundo total de 2,4 milhões de euros vai oferecer à 48 equipes até 50.000 euros cada, em apoio através de vales de inovação e com a entrada de mentores, especialistas e centros de pesquisa em toda a Europa para desenvolver protótipos e ajudar a levar novas ideias para o mercado.

Os 48 protótipos terão que exemplificar a ética e sustentabilidade na tecnologia vestível e tecido inteligente e serão expostos em um evento no final de 2018. A meta do WEAR Sustain segundo a Comissão Europeia, é a de desenvolver as melhores práticas para futuras colaborações criativas e tecnológicas. Além disso, irá criar metodologias de inovação sustentáveis ​​e éticas para a tecnologia vestível e tecidos inteligentes.

Ética na tecnologia

Os candidatos devem abordar cada um dos sete temas de ética e sustentabilidade, tais como fabricação, resíduos, energia e saúde, bem como dados pessoais e ética, durante o desenvolvimento de seus protótipos. A estratégia de sustentabilidade e um manual online gratuito será publicado no final do projeto para permitir que os cidadãos, empresários e outras partes interessadas da indústria se tornem mais conscientes das questões em fazer e usar tecnologias vestíveis, e para incentivar o uso de melhores práticas recomendadas para o futuro da sociedade.

“O nosso objectivo é aumentar as sinergias entre a tecnologia e as artes em toda a Europa e destacar a consciência de ética na tecnologia, utilizando a tecnologia vestível e tecidos inteligentes para explorar questões fundamentais, como dados pessoais, ética e sustentabilidade no uso da tecnologia atual. Através deste processo, o WEAR Sustain vai ajudar a preparar o caminho para uma nova geração de tecnologia vestível e tecidos inteligentes que serão sustentáveis, éticos e belos“, comentou o Dr. Camille Baker, da University for the Creative Arts (UCA).

BoRaLá! 🙂

Fonte: StyloUrbano WEAR sustain

4

Anúncios

Um comentário sobre “Reshape 17 | Peles Programáveis

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s