CHÁ DE CAVALINHA: EMAGRECE E ELIMINA TOXINAS

O QUE É CAVALINHA?

A cavalinha é uma planta da espécie Equisetum arvense, também conhecida como equisseto e cana-de-jacaré. Recebe este nome pela semelhança do seu caule com a cauda de um cavalo. Nativa de áreas pantanosas do Brasil e da Europa, é muito utilizada como fitoterápico, sendo encontrada na forma de extrato seco, em cápsulas ou para o preparo de chás com as suas partes aéreas.

CAVALINHA: BENEFÍCIOS

A cavalinha é fonte de diversos sais minerais, como potássio, cálcio, fósforo e compostos hidrossolúveis derivados do silício, saponinas, flavonoides e vitamina C.

CHÁ DE CAVALINHA: PARA QUE SERVE

Devido ao seu perfil nutricional, o chá da cavalinha é recomendado para:

  • Ajudar no emagrecimento
  • Reduzir o inchaço
  • Colaborar para a eliminação de toxinas
  • Melhorar a saúde da pele

De acordo com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), a cavalinha é indicada em casos de inchaço por retenção de líquidos, já que os seus flavonoides e sais de potássio oferecem uma potente ação diurética.

Por ser fonte de vitamina C, a cavalinha pode oferecer ação antioxidante, importante para neutralizar os radicais livres, responsáveis pelo envelhecimento precoce e maior risco para doenças. O silício é um mineral com propriedade remineralizante e, por isso, contribui para a manutenção de colágeno, favorecendo o aumento da elasticidade dos tecidos. A cavalinha pode ser utilizada nos tratamentos de fraturas e doenças reumáticas também pelo seu potencial anti-inflamatório.

CAVALINHA EMAGRECE?

Por ter uma ação diurética, que diminui o inchaço, a chá de cavalinha para emagrecer pode ser indicado, lembrando que o emagrecimento se dá pela perda de líquidos e não pela redução da gordura.

Além disso, a sua potente ação antioxidante ajuda no processo de eliminação de toxinas, facilitando o processo de emagrecimento. O mais indicado é aliar o consumo do chá de cavalinha com uma dieta equilibrada e saudável, além de exercícios físicos regulares.

COMO FAZER CHÁ DE CAVALINHA

A melhor forma de preparar o chá de cavalinha é fazer uma infusão: aqueça 150ml de água e acrescente 1 colher de sopa da cavalinha. Abafe, coe e sirva a seguir. O chá de cavalinha pode ser consumido de duas a quatro vezes ao dia. Se for prepará-lo para consumir ao longo do dia, prefira armazenar o chá em garrafa de vidro.

O consumo de cavalinha em cápsulas deve ser de acordo com a recomendação do fabricante ou a orientação de um médico ou nutricionista.

CHÁ DE CAVALINHA: EFEITOS COLATERAIS

O uso prolongado da cavalinha pode provocar dor de cabeça e anorexia. Altas doses

Podem levar à irritação gástrica e urinária, além de reduzir os níveis de vitamina B1.

CHÁ DE CAVALINHA: CONTRAINDICAÇÕES

O chá de cavalinha não deve ser utilizado por pessoas com insuficiência renal e cardíaca e por que tem gastrite e úlceras duodenais, já que os taninos e sais silícicos da cavalinha podem irritar a mucosa gástrica. Seu consumo também é contraindicado por quem faz uso de anticoagulantes, diuréticos e anti-hipertensivos. Grávidas não devem consumir o chá da cavalinha antes de consultar um médico.

Por: Equipe Natue

logo-natue

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.